Movimento RevolucionárioPolítica

Polícia procura líderes do MLSM

A Polícia Civil procura os líderes do Movimento de Luta Social por Moradia, responsáveis pela ocupação do Edifício Wilton Paes de Almeida (que caiu após um incêndio na terça-feira, 01). A investigação quer ouvir Ananias Pereira e uma mulher conhecida por Irmanil, apontados como líderes da ocupação. Em mensagem dirigida a jornalistas, Pereira disse que retomará o contato após conversar com sua advogada.

O delegado seccional do Centro, Marco Antônio de Paula Santos, relatou que há suspeitas de exploração dos ocupantes do prédio por parte dos líderes do movimento, que até o momento não procuraram a polícia para identificar desaparecidos.

O organograma do MLSM levanta dúvidas, visto que o grupo é pouco conhecido pela Prefeitura e, alegadamente, outros movimentos sociais. Segundo o secretário municipal de Habitação, Fernando Chucre, “Nós reconhecemos esses movimentos no sentido de que ele existe e ocupa sete edifícios na região central, mas ele não participa da política habitacional, como os demais movimentos que, inclusive, são parte da solução desse problema – à medida que a gente vai discutir com eles o que fazer agora.”

Tags
Ver mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close