CulturaMúsicaNotícias

Maestro Dante Mantovani dirige a Orquestra Sinfônica Nacional do Paraguai

Maestro Dante Mantovani dirige a Orquestra Sinfônica Nacional do Paraguai

No dia 19/11/16 aconteceu um concerto memorável na capital do Paraguai, Assunción, no charmoso Anfiteatro do Hotel Guarany, que fica bem no centro da capital paraguaia. Na ocasião, a Orquestra Sinfônica Nacional do Paraguai foi regida pelo maestro brasileiro Dante Mantovani, que passou a semana na capital do Paraguai a preparar-se para o concerto.

 

py27

Foto 1: Dante Mantovani ensaia a OSNP

O programa do concerto trouxe a Sinfonia op.92, de Joseph Haydn, e a Sinfonia 36, de Wolfgang Amadeus Mozart – obras centrais do repertório sinfônico universal, e que são consideradas também peças-chave do classicismo vienense.

O Maestro espanhol Francisco Navarro Lara, diretor emérito da Orquestra Sinfônica Nacional do Paraguai, observou na ocasião do concerto que “Assunción é uma cidade que lembra a Viena do séc.XVIII, pois é sede de um verdadeiro Renascimento musical  no coração da América”.

O concerto do dia 19/11 estava inserido na programação festiva da Semana Nacional da Cultura, promovida pelo governo paraguaio, que contou com a participação de dezenas de apresentações artísticas que aconteciam simultâneamente em Assunción – com destaque para a música -, fazendo da cidade um verdadeira oásis de arte, cultura e bom gosto.

 

py8

foto 2 – Maestro Dante Mantovani recebe os aplausos do público Paraguaio.

A atuação do maestro Dante Mantovani foi muito elogiada pelo público, conforme extraído das críticas ao concerto:

 

“A maior virtude da apresentação sob a condução do maestro Dante Mantovani, foi perceber aspectos da sua própria personalidade ( visíveis a mim, claro) impressos no resultado final da obra. O Dante por vezes, me parece cartesiano, quase matemático, sobretudo em suas análises e  nos ciclos da sua belíssima retórica, porém, em não raras vezes, deixa escancarados aspectos  líricos e românticos da sua alma que podem ser percebidos nas suas leituras,  escolhas musicais e em seu ar professoral — e aqui fique claro: no melhor sentido da figura –, que Dante impõe a quase tudo sobre  o que Infere e discerne.. Certamente um dom que Deus lhe deu, o de ser mestre.Tudo isso se pôde  constatar na grandiosa música de Mozart conduzida maravilhosamente por ele e na belíssima orquestra sob seu comando. E que fique claro, até poucos dias atrás, Dante estava no Brasil a apresentar um programa da rádio e não deve ter tido tempo de ensaiar. Se for verdade, a sua capacidade intuitiva, a  linguagem corporal e a contagem seguríssima proveram à turma  possibilidades infinitas de extraír de si o melhor e a nos entregar esta pequena joia da música universal muito bem interpretada por todos. Para mim um resumo da personalidade desse incrível maestro. Parabéns, Dante; foi um prazer vê-lo em ação.”  (Luke Martinon)

 

“Extraordinário! Magnífico! Fabuloso! Maestro Dante, nos envie mais vídeos de suas regências sempre que possível. Parabéns pelo grande trabalho! ” (Eric Ferreira)

 

Para quem não pôde acompanhar o concerto ao vivo, ou em sua transmissão televisiva, o Maestro Dante disponibilizou um vídeo em que rege o 1.movimento da Sinfonia 36, de Mozart, a famosa “Sinfonia Linz”:

 

 

Tags
Ver mais

Redação Rádio MCI

A Rádio MCI tem como missão apresentar Música de qualidade, uma programação voltada para aquisição de Alta Cultura e a divulgação de informações relevantes para o público ouvinte, em especial assuntos que afetam diretamente nossas vidas no atual contexto sócio-político-cultural do Brasil, da América Latina e do Mundo.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Fechar
%d blogueiros gostam disto: